Moderna Unidade Básica de Saúde será entregue em julho

0
28

O município também vai aderir ao programa Saúde na Hora, dentro do plano de reorganização da atenção primária à saúde do Governo Federal

Durante entrevista a Alto da Serra FM, no programa 104 Notícias do jornalista Edilson José e Fábio Quintana, o secretário de Governo, Afrânio Marques, confirmou a meta de o Governo Municipal de entregar pelo menos uma obra importante por mês até o final deste ano. Ele disse que neste momento os trabalhos estão focados na conclusão do projeto da Unidade Básica de Saúde Rosa Lino Aristimunho, marcado para ser entregue à comunidade no próximo mês de julho. O secretário adiantou, também, que o município já está correndo para fazer a adesão ao programa Saúde na Hora, o qual faz parte do plano de reorganização da atenção primária à saúde lançado recentemente pelo Governo Federal.

Com relação a conclusão das obras do novo posto de saúde, o secretário fez as seguintes considerações: “encontramos a obra da Unidade Básica de Saúde da Vila Nova totalmente abandonada, deteriorada, a ponto de cair. Refizemos o projeto, corremos atrás de recursos e hoje podemos dizer para a nossa população que o projeto está andando e que a conclusão vai ocorrer nos próximos dias, vamos equipar e inaugurar no mês de julho. Já viabilizamos R$ 180 mil para equipar a nova Unidade de Saúde, sendo que a compra dos equipamentos está em processo de licitação”, destacou.

“Será uma unidade modelo de saúde, totalmente equipada para acolher da melhor forma possível as pessoas da nossa comunidade que precisam do atendimento público. Além da bela arquitetura combinada com a jardinagem na parte exterior, as pessoas vão desfrutar de um ambiente interno com as melhores acomodações. A saúde de Antônio João avança com projetos que valorizam a vida”, enfatizou Afrânio Marques.

O secretário disse que ele e a prefeita Márcia Marques estão trabalhando para incluir o município no programa Saúde na Hora, lançado neste mês de maio pelo Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta. “É um projeto que pretende ampliar os serviços e os horários de atendimento das unidades de saúde da família. Estamos conversando com o Ministério da Saúde, mas podemos adiantar que existe a ideia do Governo Federal de disponibilizar mais recursos para prefeituras que, em contrapartida, devem cumprir requisitos como abrir as unidades de saúde em horário de almoço, à noite e nos finais de semana. O ministro Mandetta disse que é um programa que inicia a reorganização da atenção primária à saúde. Que tem um olhar que facilita para que o gestor municipal possa reorganizar o horário de funcionamento e o número de equipes e os critérios mínimos de atendimento das unidades, priorizando a gestante e a vacinação. E, nós estamos trabalhando para Antônio João estar dentro deste programa”, destacou o secretário Afrânio Marques.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here